Internet das Coisas (IoT) e sua aplicação na logística

A Internet das Coisas, conhecida pela sigla “IoT”, possui inúmeras utilidades em diferentes setores de trabalho, permitindo soluções que favorecem a produtividade e resultados da empresa, como a atuação da IoT na logística.

Devido ao crescimento do uso da tecnologia, diversos problemas são identificados, assim como possibilidades de soluções para resolvê-los, abrangendo áreas como transporte, armazenamento e distribuição de produtos.

Além disso, a Internet das Coisas (IoT) na logística também capacita a empresa a receber informações antecipadamente, permitindo a aplicação de padrões, identificação de tendências e resolução de inconsistências nos planejamentos operacionais.

Neste conteúdo, mostraremos como pode ocorrer a aplicação da IoT na logística e quais suas vantagens. Siga a leitura para conferir e aproveite os serviços em sua empresa!

O que é a IoT (Internet das Coisas)?

A Internet das Coisas é uma tecnologia que possibilita a redução de custos por meio de aparelhos e aplicações inteligentes nesses avanços tecnológicos constantes.

Com a IoT, os processos são otimizados, tornando-se mais rápidos, eficientes e versáteis, além de reduzir os custos das operações.

Dessa forma, a IoT basicamente se refere à capacidade de coletar informações sobre o ambiente empresarial e operacional, permitindo comunicações mais eficientes e simplificadas entre diversos elementos. Isto é, o conceito basicamente é de conectar um dispositivo apenas com um botão de liga/desliga para a internet.

Isso pode ser aplicado não apenas em smartphones, como também em outros aparelhos, como fones de ouvido, máquina de lavar roupa, cafeteira, lâmpadas e muito mais.

Ou seja, é uma tecnologia de “coisas” conectadas, que permite relacionar pessoas com pessoas, pessoas com objetos e objetos com objetos.

A IoT e sua aplicação na logística

A Internet das Coisas pode ter aplicações que contribuem no melhor desenvolvimento e evolução da área de logística de uma empresa.

Isso ocorre porque, ao adotar a IoT em suas operações logísticas, uma empresa pode alcançar índices de produtividade aprimorados, além de um maior controle e eficiência na gestão, abrangendo as demandas internas e externas da empresa a médio e longo prazo.

Veja abaixo algumas possíveis aplicações da Internet das Coisas na logística para resultados positivos em sua organização:

Monitorar e controlar as cargas

Com a Internet das Coisas, utilizando sensores nas cargas é possível fazer um monitoramento em tempo real direcionando as informações para um sistema.

Dessa forma, o profissional encarregado do controle pode monitorar os pedidos durante o trajeto e na chegada ao destino, detectando eventuais furtos ou roubos de cargas em tempo real e acionando automaticamente as autoridades competentes.

Controla rotas de veículos

Uma empresa que cumpre prazos de entrega de forma eficaz obtém resultados superiores, uma vez que conquista a satisfação dos clientes. A IoT desempenha um papel crucial nesse cenário ao permitir o controle e a otimização das rotas.

Além disso, os veículos possuem sensores conectados a um software que acompanha todas as informações que são transmitidas e fazem conferências em aplicativos de trânsitos para direcionar ao motorista o melhor percurso para um entrega sem atraso e maiores transtornos devido a entrega.

Otimização do controle e gestão do estoque

Através da IoT, é viável adquirir coletores de dados que utilizam radiofrequência e leitores de códigos de barras em conjunto com um sistema de controle de armazenamento. Dessa forma, a empresa consegue gerenciar o inventário de materiais e produtos de maneira mais eficaz, além de agilizar o processo de separação e envio de itens para o transporte.

Grandes empresas como a Renner, Arezzo, Zara, Billabong e muito mais já implantaram recursos otimizados pela tecnologia IoT, como o RFID (Identificação por radiofrequência), etiquetas inteligentes e outras tecnologias que facilitam e inovam a logística constantemente.

Impacto da Internet das Coisas nos processos logísticos

A aplicação da IoT na logística possibilitou maior digitalização da indústria nesse setor, o que permitiu maior organização, automatização e controle dos processos logísticos a distância que estejam conectados à internet.

Uma cadeia de abastecimento eficiente precisa fazer as entregas de mercadorias, seja do produtor ao cliente final em prazo hábil e nas condições devidas.

Dessa forma, ao utilizar os recursos da IoT no processo, é possível ter um fluxo melhor durante as fases e estimular a rapidez desse processo, para que economize tempo e custos para a empresa.

Na logística 4.0, a IoT se torna ainda mais crucial, visto que os processos necessitam ser mais ágeis e precisos. Então com essa tecnologia se obtém balanças automatizadas, que facilitam o recebimento de informações, como o peso do produto, o nome do cliente e destino e muitas outras operações otimizadas com essa ferramenta.

Benefícios da IoT para a indústria

Essencialmente, os principais benefícios da Internet das Coisas para a indústria incluem a otimização do tempo, a redução de custos e a minimização de erros, com o objetivo de elevar os níveis de satisfação dos clientes.

Isso porque a Internet das Coisas possibilita diversas coisas, como sistemas mais eficientes para localização em tempo real (RTLA), além de dispositivos móveis que dá uma visibilidade maior das mercadorias antes e depois do abastecimento, considerando também a entrada e saída de fornecedores e produtos para entrega aos clientes finais.

Ou seja, a IoT se integra ao processo logístico para otimizar as distribuições e facilitar os procedimentos que envolvem esse setor, desde atividades simples até as mais avançadas da cadeia, entregando resultados melhores com rapidez, para assim competir no mercado com produtos e fornecimento logístico de qualidade.

Gostou do post de hoje? Então, continue acompanhando nosso blog, siga-nos nas redes sociais e fique por dentro de mais conteúdos como este.

Entre em contato conosco 📞 (35) 3421-4657 ou 📲 (35) 9 9819-9092 e conheça nossas soluções em logística.

Compartilhe

Deixe um comentário